28 de abril

28 de abril

DEVOCIONAL DO PR. LARRY STOCKSTILL

“Abale-se a terra” (Salmos 99.1) foi a oração do salmista para que Deus viesse e mudasse o mundo.  As horas finais da vida de Jesus causaram a terra a entrar em convulsão e o sol a recusar brilhar.  A presença do Senhor foi tão pavorosa que os elementos que Ele havia criado não conseguiam funcionar normalmente.  Até os guardas ´tremeram´ (Mateus 28.4) quando o Senhor da vida saiu do túmulo.  As mulheres que vieram ungir o corpo de Jesus foram confrontadas por anjos poderosos, e Lucas 24.5 nos conta “Amendrontadas, as mulheres baixaram o rosto para o chão”.

Qual o povo que consegue permanecer de pé quando Deus está presente?  A presença d´Ele fará tremer qualquer coisa e tudo até que a criação reconheça que “O Senhor reina” (Salmos 99.1).  Quando Deus desceu sobre o Monte Sião, a terra e a montanha começaram a estremecer e tremer violentamente, e fogo e fumaça cobriu a montanha.

O reino de Deus é o único reino “inabalável” (Hebreus 12.28).  Que as “nações tremam” (Salmos 99.1) sob o Senhorio d´Ele.  Se a terra treme agora na ausência d´Ele, o que fará quando ele aparece pessoalmente?

Leitura diária

(Juízes 8.18 – 9.21 | Salmos 99.1-9 | Provérbios 14.9-10 | Lucas 23.44 – 24.12)

18 Então perguntou a Zeba e a Zalmuna: “Como eram os homens que vocês mataram em Tabor? ” “Eram como você”, responderam, “cada um tinha o porte de um príncipe”.
19 Gideão prosseguiu: “Aqueles homens eram meus irmãos, filhos de minha própria mãe. Juro pelo nome do Senhor que, se vocês tivessem poupado a vida deles, eu não mataria vocês”.
20 E Gideão voltou-se para Jéter, seu filho mais velho, e lhe disse: “Mate-os! ” Jéter, porém, teve medo e não desembainhou a espada, pois era muito jovem.
21 Mas Zeba e Zalmuna disseram: “Venha, mate-nos você mesmo. Isso exige coragem de homem”. Então Gideão avançou e os matou, e tirou os enfeites do pescoço dos camelos deles.
22 Os israelitas disseram a Gideão, “Reine sobre nós! você, seu filho e seu neto, pois você nos libertou das mãos de Midiã”.
23 “Não reinarei sobre vocês”, respondeu-lhes Gideão, “nem meu filho reinará sobre vocês. O Senhor reinará sobre vocês. ”
24 E prosseguiu: “Só lhes faço um pedido: que cada um de vocês me dê um brinco da sua parte dos despojos”. ( Os ismaelitas costumavam usar brincos de ouro. )
25 Eles responderam: “De boa vontade os daremos a você! ” Então estenderam uma capa, e cada homem jogou sobre ela um brinco tirado de seus despojos.
26 O peso dos brincos de ouro chegou a vinte quilos e meio, sem contar os enfeites, os pendentes e as roupas de púrpura que os reis de Midiã usavam e os colares que estavam no pescoço de seus camelos.
27 Gideão usou o ouro para fazer um manto sacerdotal, que ele colocou em sua cidade, em Ofra. Todo o Israel prostituiu-se, fazendo dele objeto de adoração; e veio a ser uma armadilha para Gideão e sua família.
28 Assim Midiã foi subjugado pelos israelitas, e não tornou a erguer a cabeça. Durante a vida de Gideão a terra desfrutou paz quarenta anos.
29 Jerubaal, filho de Joás, retirou-se e foi para casa, onde ficou morando.
30 Teve setenta filhos, todos gerados por ele, pois tinha muitas mulheres.
31 Sua concubina, que morava em Siquém, também lhe deu um filho, a quem ele deu o nome de Abimeleque.
32 Gideão, filho de Joás, morreu em idade avançada e foi sepultado no túmulo de seu pai, Joás, em Ofra dos abiezritas.
33 Logo depois que Gideão morreu, os israelitas voltaram a prostituir-se com os baalins, cultuando-os. Ergueram Baal-Berite como seu deus, e
34 não se lembraram do Senhor, do seu Deus, que os tinha livrado das mãos dos seus inimigos em redor.
35 Também não foram bondosos com a família de Jerubaal, isto é, Gideão, reconhecendo todo o bem que ele tinha feito por Israel.
Juízes 8.18-35

1 Abimeleque, filho de Jerubaal, foi aos irmãos de sua mãe em Siquém e disse a eles e a todo o clã da família de sua mãe:
2 “Perguntem a todos os cidadãos de Siquém: O que é melhor para vocês: ter todos os setenta filhos de Jerubaal governando sobre vocês, ou somente um homem? Lembrem-se de que eu sou sua própria carne”.
3 Os irmãos de sua mãe repetiram tudo aos cidadãos de Siquém, e estes se mostraram propensos a seguir Abimeleque, pois disseram: “Ele é nosso irmão”.
4 Deram-lhe setenta peças de prata tiradas do templo de Baal-Berite, as quais Abimeleque usou para contratar alguns desocupados e vadios, que se tornaram seus seguidores.
5 Foi à casa de seu pai em Ofra e matou seus setenta irmãos, filhos de Jerubaal, sobre uma rocha. Mas Jotão, o filho mais novo de Jerubaal, escondeu-se e escapou.
6 Então todos os cidadãos de Siquém e de Bete-Milo reuniram-se ao lado do Carvalho, junto à coluna de Siquém, para coroar Abimeleque rei.
7 Quando Jotão soube disso, subiu ao topo do monte Gerizim e gritou para eles: “Ouçam-me, cidadãos de Siquém, para que Deus os ouça.
8 Certo dia as árvores saíram para ungir um rei para si. Disseram à oliveira: ‘Seja o nosso rei! ’
9 “A oliveira, porém, respondeu: ‘Deveria eu renunciar ao meu azeite, com o qual se presta honra aos deuses e aos homens, para dominar sobre as árvores? ’
10 “Então as árvores disseram à figueira: ‘Venha ser o nosso rei! ’
11 “A figueira, porém, respondeu: ‘Deveria eu renunciar ao meu fruto saboroso e doce, para dominar sobre as árvores? ’
12 “Depois as árvores disseram à videira: ‘Venha ser o nosso rei! ’
13 “A videira, porém, respondeu: ‘Deveria eu renunciar ao meu vinho, que alegra os deuses e os homens, para ter domínio sobre as árvores? ’
14 “Finalmente todas as árvores disseram ao espinheiro: ‘Venha ser o nosso rei! ’
15 “O espinheiro disse às árvores: ‘Se querem realmente ungir-me rei sobre vocês, venham abrigar-se à minha sombra; do contrário, sairá fogo do espinheiro e consumirá até os cedros do Líbano! ’
16 “Será que vocês agiram de fato com sinceridade quando fizeram Abimeleque rei? Foram justos com Jerubaal e sua família, como ele merecia?
17 Meu pai lutou por vocês e arriscou a vida para livrá-los das mãos de Midiã,
18 hoje, porém, vocês se revoltaram contra a família de meu pai, mataram seus setenta filhos sobre a mesma rocha, e proclamaram Abimeleque, o filho de sua escrava, rei sobre os cidadãos de Siquém pelo fato de ser irmão de vocês.
19 Se hoje vocês de fato agiram com sinceridade para com Jerubaal e sua família, alegrem-se com Abimeleque, e alegre-se ele com vocês!
20 Entretanto, se não foi assim, que saia fogo de Abimeleque e consuma os cidadãos de Siquém e de Bete-Milo, e que saia fogo dos cidadãos de Siquém e de Bete-Milo, e consuma Abimeleque! ”
21 Depois Jotão fugiu para Beer, e foi morar ali, longe de seu irmão Abimeleque.
Juízes 9.1-21

1 O Senhor reina! As nações tremem! O seu trono está sobre os querubins! Abala-se a terra!
2 Grande é o Senhor em Sião; ele é exaltado acima de todas as nações!
3 Seja louvado o teu grande e temível nome, que é santo.
4 Rei poderoso, amigo da justiça! Estabeleceste a eqüidade e fizeste em Jacó o que é direito e justo.
5 Exaltem o Senhor, o nosso Deus, prostrem-se diante do estrado dos seus pés. Ele é santo!
6 Moisés e Arão estavam entre os seus sacerdotes, Samuel, entre os que invocavam o seu nome; eles clamavam pelo Senhor, e ele lhes respondia.
7 Falava-lhes da coluna de nuvem, e eles obedeciam aos seus mandamentos e aos decretos que ele lhes dava.
8 Tu lhes respondeste, Senhor, nosso Deus; para eles, tu eras um Deus perdoador, embora os tenhas castigado por suas rebeliões.
9 Exaltem o Senhor nosso Deus; prostrem-se, voltados para o seu santo monte, porque o Senhor, o nosso Deus, é santo.
Salmo 99.1-9

9 Os insensatos zombam da idéia de reparar o pecado cometido, mas a boa vontade está entre os justos.
10 Cada coração conhece a sua própria amargura, e não há quem possa partilhar sua alegria.
Provérbios 14.9-10

44 Já era quase meio dia, e trevas cobriram toda a terra até às três horas da tarde;
45 o sol deixara de brilhar. E o véu do santuário rasgou-se ao meio.
46 Jesus bradou em alta voz: “Pai, nas tuas mãos entrego o meu espírito”. Tendo dito isso, expirou.
47 O centurião, vendo o que havia acontecido, louvou a Deus, dizendo: “Certamente este homem era justo”.
48 E todo o povo que se havia juntado para presenciar o que estava acontecendo, ao ver isso, começou a bater no peito e a afastar-se.
49 Mas todos os que o conheciam, inclusive as mulheres que o haviam seguido desde a Galiléia, ficaram de longe, observando essas coisas.
50 Havia um homem chamado José, membro do Conselho, homem bom e justo,
51 que não tinha consentido na decisão e no procedimento dos outros. Ele era da cidade de Arimatéia, na Judéia, e esperava o Reino de Deus.
52 Dirigindo-se a Pilatos, pediu o corpo de Jesus.
53 Então, desceu-o, envolveu-o num lençol de linho e o colocou num sepulcro cavado na rocha, no qual ninguém ainda fora colocado.
54 Era o Dia da Preparação, e estava para começar o sábado.
55 As mulheres que haviam acompanhado Jesus desde a Galiléia, seguiram José e viram o sepulcro, e como o corpo de Jesus fora colocado nele.
56 Então, foram para casa e prepararam perfumes e especiarias aromáticas. E descansaram no sábado, em obediência ao mandamento.
Lucas 23.44-56

1 No primeiro dia da semana, de manhã bem cedo, as mulheres tomaram as especiarias aromáticas que haviam preparado e foram ao sepulcro.
2 Encontraram removida a pedra do sepulcro,
3 mas, quando entraram, não encontraram o corpo do Senhor Jesus.
4 Ficaram perplexas, sem saber o que fazer. De repente dois homens com roupas que brilhavam como a luz do sol colocaram-se ao lado delas.
5 Amedrontadas, as mulheres baixaram o rosto para o chão, e os homens lhes disseram: “Por que vocês estão procurando entre os mortos aquele que vive?
6 Ele não está aqui! Ressuscitou! Lembrem-se do que ele lhes disse, quando ainda estava com vocês na Galiléia:
7 ‘É necessário que o Filho do homem seja entregue nas mãos de homens pecadores, seja crucificado e ressuscite no terceiro dia’ “.
8 Então se lembraram das suas palavras.
9 Quando voltaram do sepulcro, elas contaram todas estas coisas aos Onze e a todos os outros.
10 As que contaram estas coisas aos apóstolos foram Maria Madalena, Joana e Maria, mãe de Tiago, e as outras que estavam com elas.
11 Mas eles não acreditaram nas mulheres; as palavras delas lhes pareciam loucura.
12 Pedro, todavia, levantou-se e correu ao sepulcro. Abaixando-se, viu as faixas de linho e mais nada; afastou-se, e voltou admirado com o que acontecera.
Lucas 24.1-12

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *